Inicialmente indicada para a queda de cabelo desencadeada principalmente por dermatites, produtos quimicos, alteracões hormonais e/ou estresse, o que se sabe e que, em estagios mais avançados, a calvície nao responde aos estímulos provocados pela mesoterapia, haja vista que, nesses casos, a raiz do cabelo já está morta, impossibilitada de voltar a “criar” um novo filamento.

 

Deste modo, o objetivo desta técnica consistiria em somente reativar as estruturas do sistema capilar que por algum motivo tenham o seu funcionamento prejudicado.

 

Na mesoterapia capilar, independentemente de a prescrição do especialista conter formulas homeopáticas, vitaminas, aminoácidos, coenzimas, antiandrógenos ou outros princípios ativos que possam ser acrescentados, o conteudo é injetado por meio de microinfiltrações feitas com seringas ou com uma “pistola” automática.

Mesoterapia